“Negro é raça, preto é cor”

Em 2002 quando ainda era consultor e colunista técnico do jornal Correio Braziliense, uma grande revista de negócios com circulação quinzenal me solicitou uma análise sobre o mercado doméstico de computadores.

Em certo trecho da reportagem, eu pintava a situação: “[…] 2001 foi um ano negro para o setor informático…”.

Recebi muitas críticas em relação aos dados exclusivos que produzira para o trabalho, mas nada tão inusitado como mensagens me acusando de racista.

Graças à Deus, Oxalá, Zulu, Zumbi, Ogum e a Exu fui socorrido por uma associação de afrodescendentes. A presidenta, uma senhora de voz macia e ritmo cadenciado veio em meu socorro:

– “Meu filho, negro é raça, preto é que é cor. Se você quer pintar uma situação ruim ou desagradável, não use o termo para discriminar nossos irmãos ainda mais”.

Refiz o trecho da discórdia:

– “[…] 2001 foi um ano escuro para o setor informático…”

Não só aprendi a lição, mas todas as vezes que leio o termo “negro” associado a coisas ruins, usado de forma pejorativa, faço questão de enviar um e-mail ao autor para que ele reflita sobre reaças, digo raças e cores.

Esta entrada foi publicada em F.O.C.A. e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

2 respostas para “Negro é raça, preto é cor”

  1. Luís Carlos Bastos Júnior disse:

    Sou negro. Em minha certidão diz “cor parda”. Isso só fez diferença na cabeça de gente preconceituosa e pequena. Porque não existe uma “raça negra” e sim, a Raça humana, repleta de uma linda diversidade: negros, brancos, índios, asiáticos, árabes e por aí vai.

  2. ripongão disse:

    Uma engenharia reversa rápida me mostrou que não sou branco e sim caucasiano, pois branco é cor. Devo processar todos que me chamam de branco por racismo?
    Devo parar de ler a “Branca de Neve” pois é considerado abusivo, pejorativo e desrespeitoso?
    Agora fico a pensar sobre como os cientistas falarão do buraco negro.

    Abraços senhor Quemel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.