53? Há males que vêm PARA…BÉNS!

Letra: Guilherme Arantes

Eu vivo sempre no mundo da lua.
Porque sou um cientista
O meu papo é futurista
É lunático.

Eu vivo sempre no mundo da lua.
Tenho uma alma de artista
Sou um gênio sonhador
E romântico.

Eu vivo sempre no mundo da lua.
Porque sou aventureiro
Desde o meu primeiro passo
Pro infinito.

Eu vivo sempre no mundo da lua.
Porque sou inteligente
Se você quiser vir com a gente
Venha que será um barato.

Pega carona nessa cauda de cometa
Ver a Via Láctea, estrada tão bonita
Brincar de esconde-esconde numa nebulosa
Voltar pra casa nosso lindo balão azul.

Esta entrada foi publicada em Escovando bytes. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *