O profissional que o mercado quer

profissional_mundial Eu adoro reportagens que atacam as conquistas dos direitos trabalhistas disfarçadas de jornalismo de serviço. Tentam fazer uma média (ou seria uma mídia) com o governo para forçarem novos projetos de leis trabalhistas.

Mas as novas formulas para o sucesso do profissional do futuro foram lançadas no passado. Precisamente na década de 1970 com o médico e estudioso da Sociologia das Profissões Eliot Freidson. O livro Renascimento do Profissionalismo é o novo verniz para a matéria de capa.

Outro pensador que previu o futuro no passado foi o filósofo polonês Adam Schaff. Seus escritos no Clube de Roma datam de 1980 no seu mais belo compêndio: A Sociedade Informática. Há 30 anos previa que “[…] todo estudante de futuro deveria desenvolver, segundo sua capacidade e competência, as funções de professor, instrutor (no esporte, por exemplo), consultor, assistente social etc…na medida em que haverá uma forte demanda por este tipo de atividade.”

Esta entrada foi publicada em Carreiras Digitais & Cia. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.