Há diferenças entre técnico e consultor?

[…] Consultor. A palavra diz tudo. Aquele que dá conselhos, precisa no mínimo saber mais que os outros nas circunstâncias específicas para as quais seja contratado.

Hoje, consultores existem aos montes. Não só de empresas, de tudo! De moda, de culinária, de paisagismo, de engenharia, de arquitetuta etc. Em todas as profissões, todos os ramos do saber, atividades especializadas ou não.

Qual a diferença entre um consultor de jardinagen e um jardineiro brasileiro?

O Consultor de jardim sabe tudo o que sabe o jardineiro brasileiro e todos os outros jardineiros do mundo. E não é só isso. Sabe pesquisar e achar respostas para qualquer problema no âmbito da jardinagem. Sabe pensar sobre jardins, relacionar fatos, criar novas teses, descobrir forma melhores para fazer as mesmas que todos fazem. E sabe explicar explicar por que e como. Gosta de ensinar o que sabe, porque ensinando, aprende. E, aprendendo, fazendo ligações entre o que está aprendendo e o que já saber, abre novas possibilidades de conhecimento e sua aplicação. Quaquer jardineiro adoraria tê-lo por perto para ser orientado e aprender a aproveitar ao máximo as possibilidades da profissão.”

in BASTOS, Maria Ignez Prado Lopes, O Direito e o Avesso da Consultoria, Ed. Makron Books, São Paulo, 1999.

(Comentário do QUEMEL: e se aplicarmos essa construção para o técnico e o consultor de informática? A discussão está aberta)

Esta entrada foi publicada em Carreiras Digitais & Cia. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *