Carta a um jovem futuro consultor de TIC

Olá Quemel.

Pretendo iniciar meus trabalhos por conta própria, possuo hoje cerca de 10 anos na área de tecnologia, com uma boa formação academica e bons conhecimentos em telefonia, redes, hardware, etc, etc, etc…

A pouco, venho sentido aquela necessidade de me tornar o “próprio patrão”.

Pois bem, venho lendo a respeito e buscando informações. Quero prestar serviços a profissionais liberais, micro, pequenas e médias empresas, serviços esses de assessoria tecnologica, implantação de redes, telefonia, web e tudo o que eu consegui desenvolver nesses anos de profissão. Não pretendo atuar com pessoas fisicas que utilizam seus equipamentos como lazer, já fiz isso no passado e só tive dor de cabeça e prejuizo…

Minhas perguntas são as seguintes:

1. Para eu prestar serviços a empresas, necessito obrigatoriamente (para estar andando com a lei) de ser pessoas juridica, certo?

2. Como você vê esse mercado em que pretendo atuar? você acredita que há espaço e que há clientes que necessitam desses serviços?

3. Quais as exigências que você vem notado desses clientes? Quais suas maiores necessidades?

4. você acredita que com a tecnologia cada vez mais “fácil” e com cada vez mais informação o numero de clientes diminuam, uma vez que a redução de custo esta por todo lado?

5. Não quero fazer isso, mas você acredita que contratos ainda fidelizam clientes ou é realmente melhor atender quando da dor de barriga´?

Muito obrigado pela sua atenção.
Erik Pinheiro, Santo Andre-SP

Caro Erik Pinheiro, salve!

Você me conta um história interessante sobre sua trajetória profissional e me indica boas pistas a que devo perseguir para tentar lhe apontar alguns caminhos. Muito bom essa sua intenção de facilitar meu ofício, pois tenho por onde começar. Afinal, não é isso que você me questiona?

Nem precisava escrever os três “etc” ao final do seu bem elaborado primeiro parágrafo, mas posso lhe garantir que com conhecimentos em redes, hardware e telefonia, visualizo boas perspectivas em sua nova jornada profissional. Principalmente se considerarmos o quesito telefonia um diferencial, mesmo sem saber o que significa os eteceteras.

Com o crescimento da economia, o setor de micro e pequenas empresas tem se tornado um grande mercado de TIC. Isso não é opinião, é fato. Também estudo esses mercados, caso o nicho doméstico deixe de ser para mim bastante atraente. Atualmente a minha única concorrente é a Dell e seus preços de serviços se aproximando dos meus, inclusive com a qualidade e tempestividade no atendimento. HP e Sony? São apenas marcas que prometem, mas não entregam qualidade, vendem apenas bons produtos.

São cerca de 4 milhões de micro e pequenas empresas que não dispõem de um departamento de informática e precisam de um profissional generalista que as peguem pelas mãos e avancem mercado afora.

Seus questionamentos serão respondidos na sequencia em que foram escritos e em seguida contribuo com uma visão pessoal.

Para prestar serviços para pessoas jurídicas não há necessidade de ter a mesma natureza tributária. Você poderá receber por intermédio de um Recibo de Pagamento a Autônomo (RPA) caso não possua uma empresa registrada.

Mas essa forma acarreta alguns ônus a mais para a contratante (20% de INSS) e deve ser usada por no maximo três meses. Tempo suficiente para você ser um MEI.

Outra vantagem de ser pessoa jurídica é poder comprar em revendas, caso queira repassar produtos.

Após esses 90 dias de experiência com a contratante verifique a possibilidade de elaborar um contrato de manutenção mensal ou trimestral, na forma de visita programada.

Nesse mercado de PME que necessitam de um prestador de serviços em TI, a necessidade primordial é de infra-estrutura e adequação das soluções existentes a nova organização. Equalizada essa questão, você será requisitado a executar prospecção tecnológica, haja vista que sua postura como consultor de TI será o de reduzir os custos operacionais e aumentar a lucratividade da contratante, usando os conhecimentos de TIC.

Essas empresas estão cada vez mais exigentes quanto a escolha dos prestadores de serviços, pois tem na Internet uma primeira forma de consultoria e busca de informações. Boa apresentação e fluência em nosso idioma são os destaques para você causar uma boa 1ª impressão. Não se iluda: você não terá uma 2ª chance.

O mais difícil será o 1º contrato. Lembre-se que você está a prestar serviços, coisa muito difícil de vender numa economia que privilegie produtos e relegue os serviços para o segundo plano. É justamente aqui, dominando a economia de serviços que você poderá se tornar um “mosca branca”, uma raridade na arte de prestar um excelente serviço.

Aconselho-o a estudar Programação Neurolinguística e neutralizar essa primeira barreira que é vender serviços no primeiro contato.

Empresas de pequeno e médio porte necessitam de profissionais generalistas que a ajudem a vencer o confronto inicial do embate tecnológico e depois que as habilitem a estabilizarem os processos. Um bom conhecimento de O&M ajudaria a permanecer além do trabalho técnico-instrumental.

A promessa que a tecnologia nos daria mais tempo livre ainda é uma completa falácia, por isso que você pode reduzir alguns custos relativos à informatização, mas o capital humano será sempre o mais importante. Veja como grandes empresas estão quebrando por que acreditaram nessa falsa promessa e agora descobrem que são os funcionários a sustentarem os processos.

A maioria dos consultores de TI quando efetivam os processos informáticos, passam a fase seguinte que é a de Comunicação e depois Organização e Métodos. Por isso que se transformam e se reciclam em consultores empresariais.

Imagina um consultor de TI que implementou uma rede sem fio para a empresa contratante. Depois de ter implementado, treinando os funcionários, precisa fazer com que isso se tornar um meio e não um fim único para o lucro.

É chegado agora de novos processos, desta vez comunicacionais, do tipo como usar a Web para trazer mais clientes e aumentar nossa visibilidade. Entender apenas de database marketing não ajuda muito.

Estudar psicologia do cliente, comportamento do consumidor, empreendedorismo, programação neurolinguística, inteligência de negócios e processos de comunicação tornarão você um profissional de futuro, independente de você ter escolhido uma profissão do futuro.

O bom profissional atende e resolve as emergências, mas o excelente profissional trabalha com manutenção corretiva, preventiva e principalmente com manutenção preditiva.

Trabalhar como técnico apenas resolvendo emergências não é sinal de inteligência, mesmo que isso signifique menos clientes, mas resolver o problema e trabalhar em nível preventivo concede ao profissional um quilate maior de reconhecimento.

Trabalhar com conta própria é como um parto: dói, mas traz felicidades. Em tudo que você fizer em sua vida haverá riscos, mas para que obtenhas sucesso eles devem ser meticulosamente calculados. Ou você acha que os grandes realizadores antes do sucesso não provaram a sua quota de fracasso, ou melhor dizendo, de suas tentativas infrutíferas?

Espero que receba essas linhas apenas como mais uma das dezenas de orientações que receberá ao longo de sua vida, mas lembre-se que é melhor começar agora alguma coisa, por mais medíocre que seja a esperar a vida inteira pela perfeição e a certeza do suce$$o.

Bração e boa $orte,
Quemel

Esta entrada foi publicada em Carreiras Digitais & Cia, Doutor Computador. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

8 respostas para Carta a um jovem futuro consultor de TIC

  1. Jonas Farias disse:

    Ótimo artigo quemel, tenho estudado esse mercado atualmente e pretendo iniciar um empresa de prestação de serviços, consultoria e suporte de TI com foco em micro e pequenas empresas, sou estudante de administração atualmente, meu sócio é técnico em informática, pretendemos fazer alguns investimentos, inclusive tenho um plano de negocio sendo desenvolvido junto a uma incubadora.

  2. Caro Elton, salve!

    temos previsão para o começo de fev/2012..

    Aguarde o Edital

    Bb$,
    Q

  3. Elton Sampaio Silva disse:

    Gostaria de saber, quando será o proximo CDINFO.

    Grato!

  4. GUILHERME ALAN disse:

    Olá Quemel, estou procurando me informar sobre valores e mais sobre contratos de prestação de serviços, para poder atender pequenas e médias empresas da região.
    Percebi que você é muito citado em foruns e outros sites, pelo seu sucesso. Acredito que meu conhecimento técnico seja bom, mas minha capacidade de ser um consultor ainda melhor. Pretendo cobrar por isso, mas não tenho a mínima idéia de valores.
    Quero cobrar mensal tanto por manutenção quanto por consultoria. Quanto cobrar?

    Agradeço desde já.

  5. Caro Wanderson Karlos, salve!

    Eu é que sou fã de vocês, afinal de contas o que seria deste bloguete se não fosse a sua audiência.

    Rapaz! Quatro anos é muita coisa. Agora descobri quem é o único visitante assíduo deste espaço.

    Em 2012 trabalharemos a questão da Inteligência de Neócios para reforçar o conhecimento dos consultores.

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  6. Wanderson Karlos disse:

    Olá, Quemel…

    Já o aconpanho há um tempinho, cerca de 4 anos, trabalho na área como autonomo há 8, esse ano, tenho como objetivo, virar “patrão”, sei que o caminho é de pedras, mas a cada dia me motivo, apesar de muitas frustações. Esse POST me ajudou muito.

  7. Caro Gabriel, salve!

    Você pode cursar o ensino profissionalizante do sistema S (SENAC ou SENAI).

    É preciso muito estudo e dedicação. Cerca de 4 horas de pática diária.

    Todas as suas dúvidas já foram respondidas nesse Blog, especificamente na 9ª Oficina CDINFO.

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  8. Suporte.Gabriel disse:

    Ola Quemel,
    Tenho apenas 14 anos e gosto muito da área de informática e gostaria de ser um Técnico em Informática, tenho cursos na área, mas gostaria de saber o que é preciso para ser um?, E como conseguir clientes? , Quanto devo cobrar?
    Por favor, mande sua resposta para meu email
    Agradeço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *