Técnico, você usa propaganda ou publicidade?

Caro técnico, salve!
você me indaga o porquê de breve sumiço e questiona-me se o motivo seriam as dezenas de mensagens eletrônicas suas com tantas dúvidas.

Não se apoquente, pois o recurso mais precioso e caro que alguém pode ter é o tempo e vez ou outra padeço com sua escassez.

Deixemos de delongas e vamos ao que interessa. Como alguém que nunca pagou uma propaganda pôde chegar em outubro de 2008 à marca de 5 mil clientes? Longe de ser um fenômeno bíblico da multiplicação dos recursos, tem a ver com a diferença entre propaganda e publicidade.

Segundo minha professora de Gestão (UNIP/2004), propaganda é quando você paga para aparecer e publicidade é o que falam de você. Nunca gastei um centavo com àquela, mas sempre fiz uso desta.

Quando editei pela primeira vez a cartilha “Como escolher um computador” em 1997, sob o psedônimo de Doutor Computador, ela virou notícia. Só vira notícia quando o assunto é de interesse coletivo. Quando se é entrevistado pela mídia, não se pode fazer marketing pessoal, sob pena de usar o jornalista para fazer propaganda. Atualmente com a crise de credibilidade da mídia é mais fácil vender um produto ou serviço disfarçado de matéria jornalística.

Vide os suplementos de informática de alguns jornais. Em uma mesma matéria o nome da empresa aparece 12 vezes. Quando é a gerente de produtos que tece os maiores adjetivos aos serviços oferecidos, é o quê?

Produza algo que represente de fato um benefício real à Sociedade, e você terá publicidade. Enquanto isso não acontece, você pode usar de estratégias que não envolvam muitos recursos financeiros.

Uma das formas é a “etiqueta alvo” em revistas e jornais lidos em consultórios e clínicas. É muito simples. Crie em papel A4 (auto-adesivo) 15 etiquetas com algumas frases do tipo:

– Quem vai cuidar do seu notebook?
– Já atualizou seu antivírus?
– Já fez backup?
– Quem vai montar sua wireless?

Coloque seu nome, endereço, fones (fixo e celular), e-mail, site e aguarde! Você vai se surpreender com os resultados. Para não dizer que só fiz propaganda da estratégia ou marketing pessoal, deixo para você um modelo de etiqueta em formato do Coredraw 7.0 no link ao final do texto. A publicidade fica por sua conta e risco. [Baixe aqui]

Esta entrada foi publicada em Cartas. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

4 respostas para Técnico, você usa propaganda ou publicidade?

  1. Caro José Carlos, salve!

    Se você fornecer as etiquetas já com as revistas mais atuais, não vejo problemas.

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  2. Caro Helano, salve!

    Já mudei de domínio, mas o problema persiste. Peço-lhe especia favor de me alertar do problema no e-mail quemel@doutorcomputador.eti.br ou redacao@quemel.blog.br.

    À noite tentarei resolvê-lo. Peço que monitore esse post.

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  3. Helano Fernandes da Silva disse:

    Boa tarde Quemel,

    O arquivo não está mais disponível, você poderia atualiza-lo?

    Abraços.

  4. Jose Carlos disse:

    Olá Quemel, o link está quebrado. No caso de eu pedir para o proprietário do estabelecimento para colocar minhas etiquetas adesivas divulgando meu serviço, posso ser visto como um aproveitador ou explorador pelo proprietário, ou devo oferecer algum benefício em troca? obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *