[insTrUTOR] Como se tornar instrutor de informática?

Caro Quemel, tenho lido muita coisa escrita por você no fórum GDH, vejo que você é fera e gosta de ajudar as pessoas, gostaria de ir agradecendo pois em muitas profissões isso não ocorre devido o medo, orgulho e falta de humildade das pessoas em perder emprego ou egoísmo do mundo capitalista, parabéns pelas tuas atitudes.

Estou enviando este e-mail para ver se você pode me dar um força, eu tenho empresa de informática, trabalho com manutenção de micro, sou formando em pedagogia, e faço analise e desenvolvimento de sistemas, atuo na área de informática a 3 anos, e me digo com pouco conhecimento mas o suficiente para não deixar ninguém com micro parado etc. mas muito eu não sei, e tive uma proposta para ser instrutor de informática de uma turma de 10 Pessoas com deficiências auditivas (surdos), o problema começou em 2 momentos:

1) Eu sou auto-didata, não fiz curso, aprendi o que sei mexendo e fuçando, pesquisando etc, mas nunca fiz curso em senac, senai e nem escolhinhas, ai não sei muito bem por onde começar, pensei em me nortear por apostilas etc para iniciar, o que você indica? pensei ate em comprar vídeos aulas no mercado livre? o que você me diz disso?

2) Como nunca trabalhei como instrutor não sei quanto cobrar, pensei em cobrar 30 reais por aluno, 1 aula por semana de 4hs sendo que os cursinhos em florianopolis Sc está o mais enconta que pesquisei 80 reais também 1 aula semana de 4hs, o que você me diz, e tens como me dar algumas dicas?

O curso que eles queres é para um bom tempo, eles fizeram um básico de informática e querem que eu ministre aulas sobre manutenção e montagem de micro, querem que depois ensine redes e depois que estiverem feras nisso ai passar para alguma linguagem de programação. como estou fazendo faculdade de analise e desenvolvimento de sistema, terei em 1 ou 2 anos o conhecimento suficiente, mas para manutenção e montagem estou perdido de por onde começo, como nunca tive aula, fui aprendendo de acordo com necessidade, e não tenho assim noção de como começar.
Dario Labandera
Executivo de Negocios
IdeasTec Automação Comercial

Caro Dario, salve!

Planejamento é a palavra chave. Você deve começar pelo começo: elaborando uma estratégia de curso (longo prazo) e para cada aula (curto prazo) o seu respectivo plano. Para construir uma aula você precisa desenvolver um objetivo instrucional que o orientará pelos caminhos da relação ensino e aprendizagem. Estou lhe enviando um modelo de plano de aula, mas você deve se aprofundar no conceito de OBJETIVO INSTRUCIONAL. Resumindo o conceito, são as metas para aquele conteúdo. Exemplo: ao final da aula o aluno será capaz de…

Se for um curso de montagem de computadores, na aula que ensinará o treinando a montar a placa-mãe, o objetivo instrucional deverá ser: “[…] ao final da aula o aluno será capaz de montar uma placa-mãe no gabinete sem queimá-la com a energia estática”. Só esse período encerra vários conteúdos a serem repassados. Vou também te indicar uma bibliografia para a função de instrutor de informática.

Quando se está começando, deve-se arcar com os custos do aprendizado. Comecei dando aulas (50 minutos) a R$ 25, depois passei para R$ 45 e atualmente esse valor é de R$ 150. Para esse tipo de público, o ideal seriam duas aulas por semana de 3 horas cada, divididas da seguinte forma: 90” de teoria + intervalo de 10” + 90” de prática. Esses números nada tem a ver com escolhas pessoais, mas fazem parte de estudos, pesquisas e experiências acadêmicas. Veja que é um público especial. Será que as escolas de informática estão preparadas para ofertar cursos para pessoas com limitações auditivas? Por isso, seu preço deve estar próximo do mercado. Imagine se você ao dar aulas, construir todo um modelo didático com técnicas de ensino para esse segmento.

Não há necessidade de você elaborar material didático, pois isso não é estratégico para seu negócio. Minha sugestão é que você inclua no preço um E-book, como por exemplo, o do prof. Morimoto do Guia do Hardware (pague o valor de 10 cópias e não apenas de 1 cópia).

Sartre disse certa vez “[…] Bons mestres não fazem discípulos, mas outros mestres”. Observe a aula de seus instrutors, pois há professores e “professauros”. Use de criatividade. Crie ambientes virtuais de apoio para as aulas: blog e >forum.

Incentive-os a serem empreendedores. Por exemplo, quando estiverem preparados, crie uma aula em que eles beneficiem as pessoas que queiram comprar o 1º computador, fornecendo dicas de como adquirir o melhor PC com um menor custo.

Enfim, construa um relacionamento com eles, estude sobre as dificuldades de aprendizado desse público e proponha alternativas. Você verá que a luz do conhecimento que acenderá para iluminá-los, te iluminará primeiro.

Bração e boa $orte
Quemel

Esta entrada foi publicada em InsTrUTOR. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

70 respostas para [insTrUTOR] Como se tornar instrutor de informática?

  1. lucas santos pimentel disse:

    Bom dia Quemel, ouvir muito falar de você.
    Bom me chamo Lucas eu tenho 19 anos, eu sou apaixonado por informatica e pretendo dar aula de informatica, porém já procurei informações do que é necessário para ser professor de informática mais tem site que diz uma coisa e em outro site nega o que o outro site diz está situação está me deixando muito confuso.
    Eu já tenho um espaço e tenho um anjo disposto a meter a cara nos meus planos e além disso tenho pessoas que me encontram na rua e já pergunta se começou as aulas. Não sei se você vai poder me da essa ajuda, as perguntas abaixo são as minhas dúvidas para abrir este negócio.

    1- Para ser professor de informatica (básica, intermediário e avançado) é preciso ter algum curso de graduação?

    2- Como faço para saber os assuntos que devo ministrar para os alunos?

    se você poder me ajuda irei te agradecer muito… vlw

  2. ANTONIA MARGARIDA DOS SANTOS disse:

    Olá. Quemel
    Estava pesquizando
    sob informatica e gostei muito dos conteudo do seu blog.
    Quero ser instrutoora de informatica e quero receber dicas e planos de ensino .
    Obrigada.

  3. Caro Edson, salve!

    É bom ver um jovem em tenra idade já com essa disposição para ensinar e aprender, também.

    Não há problema algum você se tornar um instrutor de informática. Seus conhecimentos adquiridos podem ajudá-lo em suas aulas.

    Já para você ser professor de informática há necessidade de uma, no mínimo, Licenciatura em Informática. Após esse curso superior, você poderá dar aulas até no Ensino Médio.

    Vou republicar aqui novamente.
    “[…] Vou também te indicar uma bibliografia para a função de instrutor de informática: bibliografia para a função de instrutor de informática.

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  4. Edson Emanoel disse:

    Olá. Sou Edson Emanoel tenho 17 Anos de idade, pois é muito novo ainda, mas tenho muitos conhecimentos na área de informática, e a prova disso está em meus certificados e pondo e prática tudo oque sei, tenho muita vontade mesmo em ser Professor de Informática, e todos falam que tenho uma ótima didática de ensino, porém tenho uma dúvida e já procurei em vários sites na internet e nada, gostaria de saber se com está idade já posso ser um Instrutor de Informática Básica? ou preciso de mais algum curso Especifico ou de Nível Superior na área? tenho cursos voltados a área de Programação, Manutenção de Computadores, mais cursos de Programação, Curso de Informática Básica, áreas de conhecimento em linguagem de programação, como (C#, VB.NET, CSS3) sei o básico de html 5 e etc… bem está é minha dúvida se alguém poder me ajudar, Grato desde já, Obrigado a Todos!

  5. Nelson Pereira Junior disse:

    Dário, já dei aulas para deficientes visuais e deficientes auditivos. A primeira coisa que precisa fazer é definir como avaliará o aprendizado de cada tópico. Nem todos vão te dizer que não entenderam o que foi explicado.
    A segunda coisa que você precisa desenvolver é como apresentar visualmente o que você está fazendo. Alguma coisa como nos programas que apresentam receitas. Por exemplo: Enquanto estiver colocando o processador na placa mãe, todos precisar VER o que você está fazendo. Será impossível 11 pessoas em volta de uma placa mãe enxergar o que está sendo feito. Lembre-se: Uma imagem vale mais do que mil palavras. E palavras não é o imprescindível para o deficiente auditivo. Pense num apoio com imagens passo a passo num software (como o Powerpoint, Slides ou Prezi).
    Alguém reclamou da diferença de conhecimentos entre os alunos. Isso é normal em todas as turmas. Você pode quebrar em módulos o seu curso e oferecê-los individualmente ou descrever todos os tópicos do curso integral. Não deixe que cada um crie a sua expectativa quanto à apresentação o que no final poderá causar frustrações. Siga o conselho de colocar que “no final o aluna estará apto a” e veja como comprovar que esse objetivo foi alcançado. Acompanhe cada passo com cada aluno. Procure saber o que está impactando o aprendizado e crie algo novo para impedir que os problemas aconteçam novamente. A tarefa de instrutor é árdua. Para um público especial é mais difícil ainda. Espero ter te ajudado. Boa sorte.

  6. Cara professora Crys Arruda, salve!

    Sugiro que ministre conteúdos básicos com apostilas do Instituto Crescer. Eles fizeram uma parceira com a Microsoft. Por exemplo a apostila abaixo pode ser usada para desenvolver conteúdos sobre Comunicação: ferramentas e comceitos:

    http://institutocrescer.org.br/apostila/praticas.pdf

    Outra alternativa seria conhecer as apostilas o programa de inclusão digital Acessa São Paulo com seus respectivos Cadernos eletrônicos:

    http://www.acessasp.sp.gov.br/cadernos

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  7. Crys disse:

    Bom dia! Estava pesquisando pela net e descobri seu blog. Gostaria de saber se pode ajudar-me. Estou ministrando aulas de informática para terceira idade, a princípio criei uma pequena apostila seguindo um passo a passo, que inclusive serve de planejamento pra mim. Mas não previ que encontraria alunos desenvoltos e como falei anteriormente a apostila que preparei é para noções básicas, (tipo: e-mails, pastas, word, excel…). Tem alguma sugestão do que eu poderia abordar com esses alunos que já dominam o básico? (são terceira idade). Ajude-me… por favor… kkkkkk
    Desde já, Muito Obrigada.

  8. Caro Misael, salve!

    Transformei sua dúvida num tópico especial, confira!

    insTrUTOR: aulas particulares de informática

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  9. Misael Ribeiro disse:

    Olá Amigo Quemel,
    Eu Trabalho na Área de Informática, Montei minha pequena assistência Técnica em Informática e estou pretendendo ministrar cursos particulares, pois sempre aparece procura de clientes por esse tipo de serviço, no entando queria ver com você se tem planos de aulas para que eu possa ter uma ideia para que eu possa da continuidade nesse projeto!!

    Grato, Parabéns pelo Blog excelente!!!
    Abraços!

  10. Cara Alexandra, salve!

    Claro que pode. Você primeiro deve elaborar o Plano de Curso e o Plano de Aula. Uma boa ajuda seria buscar compreender a metodologia de ensino do Comitê Para a Democratização da Informática.

    No blog você poderá ler alguns exemplos de aulas e planos (curso/aulas).

    Caro Lázaro, salve!
    O meu processo foi simplificado porque eu comprovei minha experiência didática.
    Qual SENAI você dará aula?

    bração e boa $orte,
    Quemel

  11. Lázaro Augusto disse:

    Companheiro;

    Gostei muito do blog, e vi que você deu aula no SENAI, gostaria de saber como foi o processo pois estou fazendo um processo e gostaria de dicas.

  12. Alexandra disse:

    Em minha cidade não tem cursos de informatica para iniciantes, eu tenho bom conhecimento e alguns certificados, gostaria de saber se é possível que eu mesma dê cursos de informatica para iniciantes ? o que é preciso e como fazer?

  13. Caro José Barbosa Macário, salve!

    Penso que você não leu o link para o post com uma extensa bibliografia para quem deseja ministrar aulas de informática.

    Vou republicar aqui novamente.
    “[…] Vou também te indicar uma bibliografia para a função de instrutor de informática: bibliografia para a função de instrutor de informática.

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  14. jose barbosa macario disse:

    boa noite, me convidaram para ser instrutor de informatica para crianças e adolecentes mas, não sei por onde começar as aulas, sera poderia me ajudar

  15. Caro Lamartyne, salve!

    Você pode cobrar entre R$ 25 e 180 o preço da aula. Isso dependerá do valor que você agregará aos minutos que ficará com seu aluno.

    Seus post não contém informações precisas referentes a quanto você quer cobrar. Sugiro que se fechar um pacote completo cobre menos.

    Eu cobro atualmente entre R$ 150 e R$ 180 a hora-aula. Mas sou instrutor da Escola de Informática e Cidadania do Comitê de Democratização da Internet e lá não cobro nada.

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  16. LAMARTYNE CARIAS disse:

    POXA POST MUITO TOP
    Sou Designer Gráfico, hj trabalho dando aulas de Info, por enquanto que estou na faculdade. E esse Post me ajudou Bastante, so queria saber quanto deveria cobrar por essa carga horária so uma vez na semana acho que 2 hr e meia ou 3 horas, e o valor a ser cobrado. Mas principalmente a frase de Satre que vai me inspirar pro Resto da VIDA.
    me surgiu a oportunidade de dar aulas particulares 1 vez na semana e esse post me ajudou pra kramba amei sucesso ai !

  17. Marcos disse:

    Boa tarde Sr. Quemel.
    Primeiramente parabéns pelos comentários, muito construtivos por sinal.
    Sou recém-formado em Análise e Desenvolvimento de Sistemas (tecnólogo) e gostaria de ministrar aulas em escolas pequenas mesmo, mas não tenho experiência.
    Entendo de Montagem e manutenção de Computadores, Redes, Design digital, além de pacotes como o Office.
    Devo me candidatar uma uma vaga já ou primeiro preciso estagiar?
    Abs.

  18. Cara Soraya, salve!

    Você pode ter alguns planos de aulas na seção insTrUTOR. Lembro que a inovação e a criatividade é fruto de muitas leituras e pesquisas em várias áreas do conhecimento.

    Atualmente minhas aulas têm como base a Neurociência aplicada à Didática.

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  19. Soraya disse:

    Olá Quemel,
    Sou Técnica em Informática e sou instrutora de cursos profissionalizantes a seis anos e gostaria de um plano de aula inovador, agradeço se puder me ajudar.
    Um abraço!

  20. Kassia J. disse:

    Bom achei bem interessante o site e como todos achei por acaso.

    Trabalho com informatica já tem alguns anos, porém aprendi tudo na pratica e curiosidade mais me veio a oportunidade de dar aulas para pessoas da 3ª idade porém não sei como montar um plano de aula para como mexer no email redes socias e até mesmo em smartphones.

    será que poderia me ajudar?? teria algum de exemplo??

  21. Marcia Silva disse:

    Olá, achei o seu site pesquisando na internet, gostaria que me auxiliasse: Estou desempregada e resolvi dar aulas de informática para a terceira idade, coisas bem básicas de como criar um e-mail, um blog, como abrir uma conta no face, word, etc…gostaria de saber se devo criar uma apostila, ou se esse público deve ser mais na prática, e quanto devo cobrar e quantas aulas na semana, agradeço desde já.

  22. Luiz Fernando disse:

    Olá Quemel, já faz alguns meses que sou instrutor de informática em uma escola profissionalizante. Acredito ter iniciado muito bem, segui as dicas do seu blog quando iniciei, porém eu creio que sempre há espaço para melhorar e gostaria de saber se você poderia me enviar um plano de aula para os seguintes tópicos: Word, Windows e PowerPoint… Se puder me enviar eu agradeço.

    meu email é: luizfernando.forpitatinga@gmail.com

    Agradeço desde já.
    Abraços,
    Luiz Fernando

  23. Odaci disse:

    Olá amigo, gostei muito do artigo, sou formado em sistemas de informação, trabalho como técnico em informática uns 8 anos, com meus conhecimentos posso ministrar aulas em escolas? ou terei que fazer uma licenciatura para isso? A propósito, gostaria que me enviasse um plano de aulas, pra eu ver como seria, agradeceria muito desde já obrigado

  24. Misael disse:

    Olá Amigo Quemel,
    Eu Trabalho na Area de Informática, Montei minha pequena assistência Técnica em Informática e estou pretendendo ministrar cursos particulares pois a procura é um pouco grande aqui no entando queria ver contigo se você tem planos de aulas e se puder me passar agradeço.

    Ok

    Abraços!

  25. Olá, sou pedagoga, instrutora de informática e gostei muito do seu blog. Gostaria tbm de obter os planos de aula ou outro material de aplicação de aulas de informática para enriquecimento de minhas aulas com 3ª idade e jovens. Atualmente dou aulas na Faetec. E aulas particulares nas casas. Ficarei grata por sua colaboração.

  26. Yellowsunshine disse:

    Olá, Quemel, achei seu site justamente por sta à procura de material de apoio para este tipo de decisão: preços; e fiquei muito interessada no material que você disse pro colega de cima. Será que você poderia disponibilizar para essa não tão ilustre desconhecida e ainda por cima iniciante neste campo? Ficaria imensamente grata.

  27. Luizi Vianna disse:

    Olá!
    Como algumas pessoas aqui, descobri o site por acaso,pois buscava informações a respeito de especialização em aulas para a terceira idade.
    Sou autodidata e sempre gostei muito de informática. Por conta disso, aprendi a mexer – superficialmente – em computadores, manuseando para uso próprio. Quando comecei a lidar com problemas mais sérios, como defeitos, recorria aos foruns e lia a respeito. Por conta desse interesse, achei que tinha bagagem suficiente para passar informações, criar apostilas explicativas e cobrar por elas. Ganhei algum dinheiro e fiz alguns alunos, mas não era isso exatamente o que eu queria. Meu desejo era ensinar a pessoas com maiores necessidades de aprendizado (idosos, deficientes,pessoas com síndrome de dawn). Então, fui procurar um curso, onde eu pudesse ter meios de orientar essas pessoas e lidar com elas mais facilmente, evitando a distância que as vezes se cria, entre aluno e professor. Bom, infelizmente, na ocasião que isso aconteceu (1999), não havia cursos, nem alguém interessado nessa atividade…E fiquei desanimada a continuar. Hoje percebo que, se eu tivesse me empenhado mais, estaria ajudando mais e ganhando mais também…rs
    Vida que segue…
    Quem tiver alguma idéia de montar um negócio e esbarrar com algumas dificuldades (que sempre surgirão), um conselho: Não desistam no primeiro obstáculo! Foi por desistir que não toquei o meu barquinho e naveguei por águas desconhecidas…
    Muito legal o site. Parabéns!
    Forte abraço,
    Luizi Vianna.

  28. Cara Marta, salve!

    Salve! Atualmente sou educador social numa Escola de Informática e Cidadania do CDI. E tenho educandos na faixa entre 50 a 60 anos. Para esse público deve haver uma preocupação muito grande com as condições ambientais, tais como temperatura da sala, tamanho da fonte no monitor, dentre outras.

    Tenho outras duas indicações bibliográfica. Vou recuperar e postar aqui

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  29. Marta disse:

    Sou acadêmica do Curso de Sistemas de Informação, estou desenvolvendo um projeto de pesquisa na Universidade sobre “Inclusão digital na terceira idade: Uma inclusão ou exclusão?… preciso de indicação de livros sobre o assunto…Já comprei alguns como “Quem educa os idosos” de Meire cachioni, “3ª idade na informática” de Vitoria Kachar , mais preciso de mais algumas indicação, sendo um assunto pouco abordado, não consegui muita coisa. Fico no aguardo. Um abraço

  30. Caro Leomar, salve!

    Terei o maior prazer em lhe ajudar a compor planos de aula, mas de todos os softwares quais você realmente domina a ponto de ensinar para outras pessoas?

    Veja que mesmo com parcos conhecimentos nos softwares, arrisco-me a ministrar bem poucos.

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  31. Leomar de Sousa Leite disse:

    Olá, Sr. Quemel.
    Gostei muito das orientações postadas acima.
    Eu estava sem trabalho, já tinha o curso básico de computação e comecei a fazer o curso de montagem e manutenção, no meio do curso o Meu Professor me ofereceu uma oprtunidade que eu agradeço até hoje, ganhei a oportunidade de estagiar e de fazer cursos gratuitos na mesma instituição, não pensei duas vezes, agarrei a oportunidade.
    No decorrer das aulas comecei a observar a maneira como o Meu Professor compartilhava o seu conhecimento com os alunos, senti a vontade de também poder ser como Ele. Eu sempre falava para Ele a minha nessecidade de poder trabalhar. no entanto ao passar do tempo ele viu o meu bom desempenho em aprender e passar o conteúdo, mas ainda me faltava um emprego. Ao passar dos dias Meu Professor planejou montar uma assistencia técnica e me colocar como o seu braço direito, gostei muito da idéia.
    Mas antes que isso viesse acontecer, na mesma empresa a qual estava eu estagiando, surgiu uma oportunidade para mim, de ser Instrutor de Informática, eu a abracei.
    Detalhes, mudei do Estado do Maranhão p/ Pará, aqui as dificuldades são tremendas, inclusive a comunicação com o Meu Professor, e me falta um plano de aula, e vejo que não é fácil elaborar um plano de aula.
    Por favor Sr. Quemel me ajude a elaborar um plano do aula…
    O conteúdo dos Cursos são:
    Básico: 110 hrs IPD/Windows/Digitação/Word/Excel/PowePoint/Access/PrintArtist/Antivírus/MultiMídia/Internet/Noções do Linux

    Computação Gráfica: 110 hrs
    CorelDraw/PhotoShop/InDesign/Illustrator/AfterEffects
    Agradeco a sua compreenção!

  32. Elaine disse:

    Olá Everton nós estamos juntos nessa questão de formação profissional, eu sempre gostei de informática e hoje trago essa tecnologia para área pedagógica é uma área que trabalho com amor e dedicação mas me sinto feliz porque já formei muitas pessoas e até hoje eles se lembram de mim, ganhei apenas satisfação pessoal e não financeira mas vivo feliz e em paz, a cada dia me dedicando mais.

  33. Elaine disse:

    Olá gostaria de me corresponder contigo, já leciono há 15 anos na área, sou muito feliz pelomeu trabalho sem pensar em coisas materiais, uma vez que elas são de momento e meu contato com os alunos não tem preço, seja eles idosos, crianças, adolescentes eu amo ensinar…abraço da profª Elaine.

  34. Everton Roberto Araújo Silva disse:

    Caro Quemel, bom dia!

    Me identifiquei com a situação do Dário, estou fazendo o curso de Pedagogia mas sempre tive interesse em atuar como professor de cursos técnicos.

    Conversando com o coordenador de uma escola aqui de minha cidade (Vila Velha / ES) pedi algumas orientações, nas quais estavam entre elas fazer uma nova Faculdade de Informática. Também me falou que a experiência de mercado conta bastante para o professor.

    Sei que meu curso nesta questão do técnico se restringe a no máximo ser o Pedagogo do curso, mas sem a experiência de sala acredito que o pedagogo fique muito incompleto para sua função. Estou pensando em voltar para a área de informática (tenho um técnico de informática) e posteriormente fazer um Tecnólogo ou em Redes de Computadores ou ADS. O coordenador me recomendou seguir a área de Banco de Dados, mas não me identifiquei muito.

    Tenho como meta ser professor de cursos técnicos. Alguma sugestão do que eu posso fazer Quemel? Só com o bacharelado eu teria chances de ministrar aulas em cursos técnicos?

    Abraços!

  35. Tiago Mazeiro disse:

    Parabém pelo assunto publicado é de grande valia. Também tenho vontade de me tornar Instrutor, sou formado em Tecnologia de Redes de computadores e tenho uma loja de Informática. Mas experiência em dar aulas não tenho nenhuma, se alguém puder me dar dicas agradeço de coração. Um abraço a todos

  36. Lucas ribeiro disse:

    Bom dia, vou começar semana que vem um estágio como instrutor de informática em uma escola que oferece cursos básicos de computação, mas tenho um pouco de dificuldade pra conversar e interagir com as pessoas, sou tímido.
    Você tem algumas dicas para perder a timidez e explicar corretamente as aulas para os alunos?
    agredeço desde já

  37. Lucas ribeiro disse:

    Bom dia, vou começar semana que vem um estágio como instrutor de informática em uma escola que oferece cursos básicos de computação, mas tenho um pouco de dificuldade pra conversar e interagir com as pessoas, sou tímido.
    Você tem algumas dicas para perder a timidez e explicar corretamente as aulas para os alunos?

  38. Cara Liliane, salve!

    Um bom começo é participar das discussões no Blog do Quemel, especificamente sobre sobre Como cobrar Serviços Profissionais de Informática. Uma aula não foge a regra.

    Outra opção é Frequentar o Forum do Clube do Hardware, lá temos boas discussões sobre carreiras e mercado de trabalho.

    Vou analisar melhor seu pedido de orientação e posto em breve no Blog.

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  39. Liliane Moulin disse:

    Sr. Quemel, adorei suas dicas para instrutor de informática e também gostaria de receber esse plano de aula.
    Tenho 40 anos, sou formada em Tecnologia em Processamento de Dados, com pós-graduação em Planejamento Educacional. atualmente estou cursando outra pós de Informática na Educação. Acabo de me mudar para minha cidade natal, Cachoeiro de Itapemirim-ES. Sou professora de Informática há 15 anos e me sinto um pouco decepcionada. Sempre trabalhei em escolas e faculdades ministrando aulas de informática básica e algoritmos. Tenho trabalhado como tutora à distância. Sinto-me perdida no rumo que devo dar à minha carreira. Sempre tive interesse em dar aulas particulares para pessoa física ou para grupos de funcionários de empresas que precisam se atualizar. Pensei em trabalhar também com consultoria em Informática Educacional. Não sei bem por onde começar e como me lançar no mercado, nem tampouco quanto devo cobrar. Gostaria muito de suas orientações.

    Grata,
    Liliane Moulin

  40. Cara Taty, salve!

    Não posso te ensinar o quanto cobrar. Quem deve calcular isso é você.

    Use a Planilha de Custos para Serviços Profissionais inserida na aula sobre Como Cobrar Serviços Profissionais de Informática da 9ª Oficina CDINFO

    Minha sugestão é que o deslocamento esteja incluso no valor da aula.

    Se a aula for avulsa, ela deve ser mais cara, mas se estiver dentro de um pacote de curso, pode ser menor.

    Qual o valor da sua hora-aula?

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  41. Taty correa disse:

    Olá, Quemel, tudo bem? Poderia me dar uma opnião? Recebi uma proposta para dar aula de informática básica (windows, word e excel) a um rapaz que já tem uma noção de usuário, ele mora distante da minha casa, tenho que pegar duas conduções, como devo cobrar? a passagem + hora aula ou faço um pacote para ele me pagar por mês? E se for pagar por mês cobro igual aos cursos ou seja dar uma mensalidade no ato da aula ou não. Tenho duvidas quanto cobrar.
    Obrigada
    Taty

  42. Cara Beth, salve!

    Esse material didático deve ser adequado para pessoas da 3ª idade. Não me refiro ao conteúdo, mas a forma: deve ter letras grandes e com as figuras passo a passo correspondente.

    Você pode cobrar R$ 120 a aula de 60 minutos para pagamento em cash e R$ 150 se for em cheque.

    Bração e boa $orte,
    Quemel

  43. Beth disse:

    Olá!!! estou desempregada, trabalhei em loja de informatica e aprendi bastante na area…
    Penso em dar aulas particulares de informática p/ 3a idade …
    No plano de estudo penso em dar windows explorer + conhecimento dos periféricos e acessórios do computador + word basico + excell básico + net .. tudo de acordo c/ a necessidade do aluno.
    Vc teria uma apostilha em pdf ou word p/ me orientar?
    Como posso cobrar, qual valor?…
    Li acima que o ideal é 2x semana , 3 hs p/ dia… tem ideia do valor? Moro em pequena cidade do norte do Paraná.
    Aguardo, necessito muito de sua ajuda.
    Muito agradecida.

  44. Gustavo disse:

    Boa tarde

    Quemel encontrei seu blog por acaso no site guiadohardware.net, lá tinha uma pessoa perguntando a respeito de quanto cobrar por aulas particulares e tal..
    Me interessei nas suas respostas, motivo pelo qual venho dando este tipo de aulas de informática para pessoal da terceira idade.
    Gostaria de ler mais sobre o assunto, vc disse que iria enviar para a pessoa um formulário especial de LNT e tbm alguns planos de aula para aulas particulares, gostaria que se possível enviasse para mim tbm, estou procurando em seu blog vários artigos interessantes para ler sobre o assunto..

    Desde já agradeço..

    Att,

    Gustavo

  45. Eu quero ser instrutora de informática e gostaria de saber se em BH existe algum lugar que eu poderia fazer o curso para me capacitar como instrutora. Obrigada aguardo sua resposta. disse:

    Gostei muito da sua iniciativa de tirar dúvidas das pessoas . Suas sugestões são claras e precisas. Um abraço.

  46. Caro Heine,

    você está de parabéns. Sugiro que você crie a partir do meu modelo uma plano de aula específico para cada aluno.

    Em breve postarei um modelo de analise de necessidades para alunos de aulas particulares.

    bração e boa $orte,
    Quemel

  47. Heine disse:

    Quemel, sou jovem,tenho apenas 14 anos,mas já iniciei a dar aulas individuais para idosos,tenho um ampllo conhecimento sobre software e alguma noção sobre hardware,mas o que me deixa inseguro é a falta que um planejamento de aula está me fazendo ! Teria como você me enviar o planejamento de aulas a longo prazo? Preciso muito dele,porque sem ele não tenho uma segurança para ministrar a aula para mais alunos.
    O quanto mais rápido possível por favor !

    meu e-mail é heineocara@yahoo.com.br ou anitafanzlau@yahoo.com.br

    desde já,grato

  48. Lilerrose disse:

    Quemel, adorei esse post a respeito do instrutor de informática. Quero estudar sobre o assunto e me aprimorar. Iniciei há dois meses um curso de técnico em informática e o curso dura 2 anos. Gostaria muito de trabalhar nesse ramo como instrutora. Poderia me ajudar com o material que você tem, por favor? Agradeço imensamente.

  49. Caro André Pinheiro Dias, o plano de aula está à disposição no blog no comentário de nº 7.

    bração e boa $orte,
    Quemel

  50. André Pinheiro Dias disse:

    gostei da sua proposta estou precisando de um plano de aula desses aí tem como vc mandar para mim serei grato. trabalho com aula de informática ha 3 anos monto os meus proprios planos de aula mas não desenvolvo um trabalho o que eu mesmo espero tenho um pouco de dificuldades de passar o meu conhecimento para os alunos aula de Informática e bastante complicado ainda consigui quebrar esse tabu mas pretendo com esses novos planos de aula levar a diante uma aula mais criativa.

  51. Caro Nicolai,

    neste caso o que você necessita primeiro é um plano de curso. Estabelecido esse planejamento (nível estratégico) podemos descer para o nível operacional-tático (plano de aula) com detalhamento das ações. Você poderia me fornecer mais detalhes: que tipo de curso?

    bração,
    Quemel

  52. nicolai disse:

    tenho um pouco de experiencia como instrutor de informatica mais fui convidado para ser coordenador das escolas municipais de minha cidade.
    vc poderia me ajudar a estabelecer um plano de aula para curso basico e avançado
    desde já agradeço pela sua atenção

  53. Sergio disse:

    Bom dia caro Quemel
    Tenho interesse no assunto e gostaria de saber qual é a bibliografia indicada. Desde já agradeço.

  54. sueli maria pereira disse:

    sou instrutora de informatica desde 2004(pelo SENAI) adoro o que faço me, no momento estou no TELECENTRO da PREFEITURA DE Sao Paulo. Sao salas com mais ou menos 20 computadores onde a comunidade local tem acesso livre para acessar o computador. Quero dica para o meu PLANO DE AULA AGRAEÇO

  55. Caro Val, estou ministrando um curso de formação de instrutores de informática, com ênfase em projetos sociais visando grupos de riscos.

    Quando cursei Serviço Social na UnB, fiz estágio em 1997 no CAJE (Centro de Atendimento Juvenil Especializado), uma espécie de prisão juvenil. Durante 4 meses trabalhei com os internos provisórios e criei um projeto.

    No seu caso, você quer ser apenas instrutor ou pretendes ir além da mera instrumentação técnica?

    Seria um privilégio receber mais um participante em meu curso para compartilharmos experiências, tanto socio-educativas como técnicas.

  56. Val disse:

    Temos como objetivo desenvolver atividades sócio-educativas e culturais com missão de preparar e encaminhar os jovens e adolescentes em situação de vulnerabilidade social.. dentre algumas atividades estou para ser Instrutor de informatica, e passarei o Básico do Office 2007, windows, e pretendo no final passar uma noção de hardware.

    Abraço.

  57. Caro Val,

    que tipo de projeto social? O que você ensinará?

  58. Val disse:

    OLá Quemel…

    Pesquisando pela internet achei estas indicações, muito interessante, estou para ser Instrutor de um Projeto social na comunidade, gostaria de uma força, me envia este plano de aula e da bibliografia, e se possivel algumas outras dicas desde já agradeço.

    Abraço, Val

  59. Valdir disse:

    olá quemel você pode me enviar esse seu plano de aula, pois tenho o meu, mais queria comparar com outros e vê se posso ir fazendo algumas modificações. desde já muito obg.

  60. Alexandre disse:

    Gostaria de uma sugestão. Estou iniciando a profissão de instrutor de informática, mas só em adomicilio. fico meio confuso na hora de pasar um exercicio. dou aula do curso básico (windwos, word, excel e internet.)

  61. Renato Ribeiro disse:

    Olá Quemel. Gostaria muito que me enviasse tambem o plano de aula.
    Desde já agradeço!
    Att.
    Renato Ribeiro

  62. Cara Cleide,

    seria intessante os alunos exigirem do professor um plano do curso e os seus respectivos planos de aula.

    Isso é muito comum as instituições de ensino exigirem dos professores para dar uma direção ao curso.

    Esse documento deve conter a ementa da disciplina, objetivos gerais, objetivos específicos, relação com outras disciplinas e até as datas das aulas e os respectivos conteúdos.

    Fica mais fácil cobrar ao final da disciplina os objetivos instrucionais.

    Isso é o básico que aprendemos quando nos decidimos ao exercício do magistério. Daí a que todos façam é uma distância astronômica.

    bração,

    Quemel

  63. Cleide disse:

    Querido Quemel,

    Nem peço desculpas pela ‘intimidade’. A maneira como você conduz esse blog é que me fez achá-lo realmente querido, assim como todos os que passam por aqui. Você nos faz sentir assim.
    Estou fazendo um Curso de Técnico em Informática aqui em Uberlândia e muitos alunos tem estado tão discontentes. Um dos professores com o qual temos 8 horas/aula por semana não tem nenhum planejamento de aula e ao final da noite temos a certeza de nada termos aprendido com ele. Para que você tenha uma idéia ele nos fez’gastar’ 2 semanas, ou seja, 16 horas/aulas (alguns alunos são mesmo iniciantes e por isso demoraram mais) pedindo para que lêssemos sobre arquitetura dos computadores, fizéssemos 20 perguntas, respondêssemos as mesmas, trocássemos com outros alunos, respondêssemos as perguntas deles, e depois que corregíssemos as nossas perguntas respondidas por eles (ufa!). E sem explicar uma linha da matéria pediu para que pesquisássemos outros dois temas e fizéssemos mais 40 perguntas. As mulheres do curso não aguentaram. O chamamos para conversar, mas de nada adiantou.
    Conversei com a secretária do curso e até hoje não vimos mudanças notáveis. Os alunos estão evadindo o que é uma pena.
    A verdade é que o curso é gratuito, oferecido pelo Governo Federal em parceria com o Cenex _ Centro de Excelência Empresarial. Nem por isso deveríamos nos submeter a esse tipo de ensino.
    O que mais me aconselharia a fazer? Enquanto conhecedor do assunto, você acredita que temos razão em não aceitar a metodologia do professor? Há metodologia aqui?
    Por favor, me responda.

  64. Ricardo disse:

    Gostei muito dessas dicas,eu quero ser Instrutor de Informatica tambem e gostaria dessa bibliografia,se poder me ajudar agradeço muito.

    Obrigado

  65. Caro Prof. Cid,

    agradeço pelo privilégio de tão nobre visita. O modelo já foi publicado e atualizado aqui no blog e se encontra no post:

    Plano de aula para instrutores de informática.

    bração,

    Quemel

  66. Cid França disse:

    Oi Quemel, sempre leio suas orientações e gosto muito delas, são sempre de grande valia, principalmente agora que estou ingressando como professor de montagem e manutenção, por isso estou precisando muito de um modelo de plano de aula, vc poderia enviar pra mim? Iria me ajudar muito mesmo.
    Agradeço desde já.

  67. Salete disse:

    Estou interessado no seu modelo de plano de aula. pode enviá-lo para mim

  68. Miller Lemos disse:

    Oi Quemel, adorei seu site…
    tenho visitado com frequência! Parabéns!!

    Gostei das suas orientações. Tambem queria receber sua bibliografia indicada.

    grato e no aguardo,

    Miller

  69. Alan Brito disse:

    Ola blz gostei muito das orientaçãoes e por isso tambem queria receber sus planos de aula e binbliografia se for possivel, obrigado e ate mais!!!!!!!!

  70. Davi Nunes disse:

    Olá, também chei excelente suas indicações.
    Estou interessado no seu modelo de plno de aula. pode enviálo para mim?

    Obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *